Igreja cristã Celeiros
Voltar para a lista

O que a eleição de Donald Trump tem a dizer aos cristãos? 

O que a eleição de Donald John Trump à presidência dos Estados Unidos da América tem a dizer aos cristãos? 

Aos 70 anos de idade, o conservador foi apoiado, não exclusivamente por seus simpatizantes, mas por aqueles que repudiam as ideias de desconstrução de valores cristãos. 

Não é difícil notar que a mídia, a TV e o cinema são inclinados a apoiar todo movimento que rompe com valores cristãos, especialmente no tocante à moralidade conservadora. 


No caso da campanha norte-americana não foi diferente. A mídia abraçou a causa defendida por Hillary Clinton, candidata defensora do discurso “politicamente correto” que abraça movimentos feminista, LGBT, pró-aborto, entre outros. 

No entanto, parece que boa parte dos eleitores reprovaram sua liberalidade quanto a esses pensamentos ao favorecer a eleição do candidato conservador, que disse abertamente ser a favor dos valores cristãos e decidido a apoiar Israel em sua luta contra os ideais muçulmanos (veja o vídeo). 

“Primeiro de tudo eu sou protestante. Eu sou presbiteriano. Eu tenho orgulho disso. Acredite em mim, se eu concorrer nestas eleições, eu vou ganhar, vou ser o maior representante dos cristãos que já tivemos em um longo tempo”

A leitura desse contexto parece apresentar repúdio ao discurso pós-moderno e liberal, em que se pregam muitos direitos e poucos deveres. Além disso, de algum modo, é uma resposta às recentes investidas do mundo muçulmano contra Israel.

Em 9 de novembro de 2016

Por Sólon Pereira